Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2015

PERGUNTAS E RESPOSTAS BÍBLICAS

1) Se Deus é bom por que ele não matou o diabo?
Primeiro Deus criou o mundo espiritual e colocou cada uma das suas criaturas à prova. Os anjos ao serem criados ganharam vida e o livre arbítrio pelo qual puderam escolher entre obedecer a Deus ou viverem independentes Dele.
O mesmo ocorreu na criação do mundo material, portanto, todas as vezes que Deus criou seres morais, os submeteu a uma prova de obediência, até com Jesus foi assim, na tentação no deserto.
Sendo assim, Deus optou por criar-nos livres e Ele não interfere no livre arbítrio, isso é uma das coisas que Deus não pode fazer. Deus não pode tudo, Ele não pode pecar, não pode salvar a humanidade sem a cruz de Cristo, não pode contradizer-se, não pode agir em desarmonia com a Sua natureza.
Por isso, ao ter optado por criar seres com livre arbítrio Ele abriu a possibilidade da existência futura do mal, o que realmente aconteceu. Lucifer tornou-se em Satanás, em opositor,  em adversário dos Homens, e o fez por orgulho e por ser a…

ONDE HÁ LÓGICA, NÃO HÁ PARADOXO

ONDE ESTÁ A JUSTIÇA DE DEUS?

Hoje, ao acordar, me deparei com a seguinte pergunta em meu Whatsapp:

Qual a explicação bíblica para o fato de algumas pessoas passarem por essa vida com saúde e outras doentes, com defeitos físicos e depois se igualarem na morte?
Onde está a justiça de Deus nessa situação?

RESPOSTA:

A pergunta é:

Onde está a justiça de Deus quando Ele concede a Sua graça e a Sua misericórdia a muitas pessoas que nascem normais num mundo caído e imerso no pecado? Sim! Pois o lógico e o merecido seria que TODOS nascessem deficientes e doentes, já que o pecado causa a morte e a destruição e que somos todos pecadores.

Portanto, Deus nos elegeu como o objeto do Seu Amor, por isso Ele concede o nascimento a todos nós.

Agora, imagine só qual seria a solução para o nascimento das pessoas num mundo onde tudo é diverso e desigual: geografia, genética, biologia, economia...

Como Deus concederia vida igual a todas as pessoas num mundo onde a desigualdade é um fato permanente?

Como Ele poderia dar vida saudável a todas as…

VOCÊ SABE COM QUEM ESTÁ FALANDO? Mário Sérgio Cortella

PUSILANIMIDADE

É uma característica de personalidade daqueles que têm “pulso fraco”, ou seja, vontade fraca.
Para o pusilânime a recompensa decorrida de um determinado esforço não paga o estresse que será vivido para consegui-la, por exemplo:
Todos somos movidos por recompensas e punições e o que é recompensa para alguns, não o é para outros, e o que é punição para uns, não o é para outros.
Assim, para quem gosta de jiló, ganhar uma caixa cheinha desse fruto é algo sensacional, recompensador, porém, para quem detesta jiló, isso não será nada recompensador, pelo contrário, comer jiló será uma punição, um tormento, um inferno, algo desprezível.
Isso acontece em todas as áreas, para quem adora sexo, sexo é uma recompensa, um reforço positivo, mas para quem detesta sexo, isso será uma punição, um reforço negativo, um problema a mais para ser resolvido no dia a dia. Assim, uma bela transa heterossexual só é desejável e prazerosa para os heterossexuais, já para os homossexuais é desprezível e nada agradá…

A REVANCHE PAGÃ

A respeito dessa foto do movimento LGBT, que segundo alguns, foram tiradas na “Parada Gay”, tenho algumas coisas a dizer:

1°) A alusão a Jesus Cristo está equivocada, pois não é o Cristo que têm preconceitos, mas os cristãos, haja vista inúmeros fatos históricos como lemos na passagem “quem estiver sem pecado que atire a primeira pedra”, além é claro, daquelas inúmeras “pecadoras” que ele tratou com dignidade nunca vista antes e nem depois na história da humanidade.

2°) Jesus Cristo não se ofende nem com essas fotos e nem com as relações homoafetivas e nem com absolutamente NADA que possamos fazer, visto que Ele não veio “chamar os justos, mas pecadores ao arrependimento, pois os sãos não precisam de médico e sim, os doentes”.

3°) Ninguém no mundo é menos ou mais pecador que esses que estão nas fotos, visto que no mundo, segundo o Novo Testamento “não há um justo sequer”, portanto, aquele que não peca visivelmente, peca invisivelmente, internamente, na mente e no coração que é onde ningu…

CONTAMINAÇÕES DO SEXO COM AMOR

O sexo em si contamina mais facilmente o corpo que as emoções e o espírito, agora, o sexo com amor, tem o poder de contaminar absolutamente tudo. Nosso ser integral, corpo, mente, espírito e emoções são afetados profundamente quando há o sexo com amor, quando há entrega total, irrestrita e absoluta.
O fazer amor, ao contrário de apenas fazer sexo, tem consequências para o nosso ser integral, pois nos colocamos por inteiro, nos entregamos totalmente a outro ser humano e nos fazemos um com ele. Por isso há os contágios: 1) emocional; 2) espiritual; 3) mental e 4) físico.
1) O contágio emocional nos faz alinharmos o nosso humor ao humor daquela que nos fizemos um, nesse caso podemos adquirir emoções que não são necessariamente nossas, mas nos contaminamos do outro. Por isso os depressivos podem sentir-se melhor e os não depressivos, os ditos normais, piores, em determinadas ocasiões depois de entregarem-se um ao outro através da prática do sexo com amor.
Essa entrega afeta profundamente…

Ótimo filme sobre a reencarnação

RELIGIÃO OU ESPIRITUALIDADE?

Religiões são construções humanas a respeito do divino, do infinito; daquilo que nos é inconcebível por sermos insignificantes diante da grandeza dos mistérios. Sendo que a vida como é, é absurda devido a total ausência da intervenção divina, a existência de um Deus nos é inexplicável diante dos fatos históricos. Como disse Epicurus – 341-270 a.C.: “Deus quer evitar o mal, mas não pode fazê-lo? Então não é onipotente. É capaz de evitar, mas não quer? Então é malvado. Deus pode e quer evitar o mal? Então por que permite a maldade? Deus não pode e nem quer evitar o mal? Então por que chamá-lo Deus?”
Os enigmas da vida nos tem acompanhado desde sempre. Nossos “porquês” (“Por que nascemos? – Por que morremos? - Por que Deus permite o mal?...) receberam respostas de todos os tipos e naturezas ao longo da história da humanidade, por isso surgiram às diversas religiões, cada uma delas tentando responder aos mistérios da vida e da morte.
A questão é que uma mente limitada não pode definir …